Projeto imobiliário disponibiliza equipamentos para segurança

Os escritórios de arquitetura são contratados para o desenvolvimento de projetos imobiliários dos mais diferentes modelos. Há prédios que são desenhados para servir como moradia, com apartamentos funcionais, arejados e confortáveis.

Os condomínios empresariais possuem salas que podem ser adaptadas de acordo com as necessidades dos ocupantes. Paredes de drywall podem ser empregadas, permitindo um desenho personalizado, respeitando a circulação de ar e melhor aproveitamento de luz natural.

Ao longo do tempo, esses imóveis devem passar por transformações estruturais, tanto na parte elétrica quanto na parte hidráulica.

Os serviços devem ser realizados para a inclusão de novos equipamentos ou aparelhos domésticos que são novidade no mercado e precisam de uma tomada elétrica ou encanamento de uso exclusivo.

Instalação de energia com fácil acesso

A eletricidade é parte fundamental de qualquer imóvel em pleno século XXI. Sem ela, não é possível ter o conforto necessário que a sociedade moderna está tão acostumada, com aparelhos eletrônicos disponíveis e a própria iluminação para garantir a segurança no período noturno.

Dessa forma, o projeto de circuito elétrico deve ser pensado de maneira inteligente, permitindo o acesso ao interruptor de luz logo na entrada de um cômodo.

Assim, fica fácil acender uma lâmpada quando o morador de uma residência chega no período noturno, evitando qualquer tipo de acidente.

Os interruptores podem ser paralelos, com duas caixas distintas, mas que podem acender a iluminação de um cômodo em diferentes pontos. Salas de estar muito grandes, ou quartos planejados recebem esse tipo de instalação.

A iluminação da área externa também é parte importante de um projeto de circuitos elétricos, pois é preciso disponibilizar lâmpadas em:

  • Entrada e garagem;
  • Corredor lateral;
  • Área de lazer;
  • Quintal;
  • Sacadas ou varandas.

Assim como na área interna, a área externa deve contar com caixa para tomada em pontos estratégicos, para que os moradores possam utilizar equipamentos que precisam de eletricidade para funcionar adequadamente.

É o caso de lavadoras a jato, cortadores de grama e equipamentos elétricos utilizados em áreas de lazer, como geladeiras, freezers e torneiras de água quente próximo à churrasqueira e fogão à lenha.

Nos cômodos internos, tanto o interruptor quanto as tomadas devem estar disponíveis à vista, para que possam ser utilizadas por televisores, aparelhos de som, aspiradores de pó, computadores, carregadores de celular, entre muitos outros aparelhos que fazem parte do dia a dia da população.

A climatização adequada de uma residência pode ser alcançada a partir da instalação de um aparelho de ar condicionado. Para esse tipo de equipamento, o mercado da construção civil disponibiliza uma tomada com disjuntor para garantir a segurança de todo o circuito.

Esse acessório possui um mecanismo que impede a sobrecarga de energia, sendo desligado de maneira automática para que não ocorra um curto-circuito. Dessa forma, o aparelho de ar condicionado fica protegido, assim como toda a rede elétrica.

Mesmo com o projeto arquitetônico em mãos, é preciso contar com mão de obra especializada, como um eletricista, para definir os modelos de fios e cabos elétricos. As lojas de materiais de construção oferecem produtos anti-chamas e adequados para cada circuito elétrico imobiliário.

Reforma e manutenção alteram ambiente residencial

Muitas vezes, o mercado imobiliário disponibiliza casas e apartamentos que precisam de uma reforma para que possam ser ocupados. A sacada de um apartamento pode receber um projeto de fechamento de vidro, garantindo um cômodo a mais para os moradores.

Esse tipo de alteração deve ser verificado junto ao síndico e os responsáveis pelo projeto arquitetônico, pois as alterações de fachada devem ser aprovadas tanto na parte estética, quanto na parte estrutural de um edifício.

No caso de imóveis que não estão dentro de um condomínio, como casas e sobrados que estão construídos em bairros residenciais, o conserto de portão da garagem, com substituição de peças ou instalação de motor automático pode ser o suficiente para garantir o conforto dos moradores.

A reforma residencial ainda pode ser empregada em outros aspectos, como a substituição de telhas, pinturas nas paredes e troca de vidros de janelas e portas. O auxílio de um profissional pode evitar problemas com materiais e contratação de mão de obra especializada.

Segurança estrutural presente desde o projeto

No caso de condomínios, o que não pode faltar é um projeto de segurança estrutural, com equipamentos de combate a incêndio, como extintores e mangueiras nas áreas internas e o hidrante de recalque na área externa.

Todos esses equipamentos possuem características próprias e devem ser utilizados de maneira adequada, por pessoas com conhecimento técnico, como bombeiros civis e militares.

Um projeto arquitetônico sempre será necessário, pois os detalhes que passam despercebidos por pessoas leigas são os que promovem conforto e segura para os mesmos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *