O uso da energia elétrica e da energia solar

A energia elétrica é uma das principais formas de combustível existentes no mundo de hoje. Dessa maneira, a internet, os componentes elétricos e os diversos artefatos cotidianos são movidos a energia solar. Entretanto, as fontes para a busca de energias vem destruindo planeta.

No século XIX, dada a Revolução Industrial, a principal forma de energia elétrica foi a queima do carvão mineral. No Brasil, a partir da década de 1950 e 1960, as hidrelétricas se tornaram a principal forma de produção de energia elétrica.

Entretanto, há alguns problemas com essa fonte de energia, a primeira é que durante os períodos de seca os reservatórios podem ficar secos, criando sistemas instáveis. Da mesma forma, vale lembrar que a água é um recurso escasso, não somente no Brasil, mas no mundo também.

É por isso que é preciso criar novos sistemas de captação de energia, como o sistema de energia solar.

Esse tipo de sistema começou durante o grande avanço do petróleo , durante a década de 1970. Mas não teve muita influência. Foi a partir do ano 2000 que o sistema de energia solar começou a ganhar notoriedade, dado a divulgação de dados do aquecimento global.

Dessa maneira, o sistema de painel solar para produção de energia começou a se tornar um concorrente da energia elétrica convencional e, por incentivos do governo, foi ganhando cada vez mais destaque.

Energia solar

A energia solar nada mais é que um sistema de produção de energia elétrica que transforma radiação solar em energia elétrica.

Essa transformação é feita por meio das células fotovoltaicas e um sistema de cabeamento estruturado para as residências e indústrias.

Geralmente, a energia solar é usada ou para substituir ou para complementar os sistemas de energia elétrica já disponíveis.

Assim, os sistemas de energia solar são compostos por coletores solares e também por um boiler (isto é, um reservatório), no qual a água fica armazenada. As placas possuem serpentinas internas que aquecem quando recebem a radiação.

Vantagens da energia solar

Existem diversas vantagens no uso da energia solar em relação a energia elétrica produzida pelas forças das águas. Essas vantagens são:

  • Fonte de energia sustentável, renovável e limpa;
  • Energia é inesgotável e não prejudica o meio ambiente;
  • Pode ser usado para qualquer região, já que depende da luz solar;
  • Economia de espaços, pois utiliza o telhados das casas para instalação.

Podemos ainda citar outras vantagens da energia solar como a boa relação de custo-benefício tornado-se uma fonte de energia gratuita após a instalação.

Além disso, o sol produz uma energia quase ilimitada.

No entanto, cabe ainda ressaltar que a capacidade de produção de energia elétrica varia conforme as condições climáticas, que não acontece com as empresas de instalações elétricas de produção comum, como as hidrelétricas.

Para resolver isso é possível adaptar os sistemas de abastecimento elétrico, como optar por um modelo que “guarda” a energia para dias de menos sol, ou ainda os modelos complementares à rede de abastecimento tradicional.

Energia elétrica convencional

A principal forma de produção de energia elétrica no Brasil hoje acontece por meio das hidrelétricas e ela representa quase cerca de 95% do consumo nacional. O restante ainda é complementado por usinas termelétricas ou nucleares.

Podemos citar algumas vantagens nesse uso de energia, uma é que o preço do combustível, isto é, da água é zero.

Contudo, a energia solar é uma fonte de energia renovável e que não emite poluentes, contribuindo assim para um mundo sustentável. Dessa forma, ela também possui um custo zero de produção, tendo menos impacto ambiental.

No caso da energia produzida por meio de hidrelétricas, pode-se afirmar que:

  • Precisa de manutenção periódica;
  • Podem acontecer racionamentos;
  • Custo elevado de instalação;
  • É preciso fazer desvio de rios;
  • Destrói a vegetação natural da região.

Dado todas essas informações, conseguimos chegar a conclusão de que o sistema solar de produção de energia elétrica se torna vantajoso para edificações novas ou adaptações para aqueles que desejam ser mais sustentáveis.

Apesar de seu custo de instalação, ele apresenta um ótimo retorno ao possibilitar a economia na conta de luz de fornecedoras tradicionais. Além disso, a energia utilizada pode ser debitada da conta tradicional.

Para que isso seja feito de forma correta e para trazer vantagens para a sua instalação é essencial que a empresa de cabeamento de rede sp tenha um atrelamento especial a rede de distribuição de energia.

Dessa maneira, a energia solar no Brasil tem grande potencial, podendo se tornar um dos principais modais de energia do país, substituindo gradativamente a energia hidrelétrica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *