Materiais e estruturas físicas segurança em condomínio

A construção civil é formada por diversos materiais que por muito tempo, não eram motivo de preocupação por causa da abundância disponível na natureza.

Os recursos naturais estavam ao alcance de uma máquina para remoção de areia ou pedra, para ser encaminhado aos canteiros de obras por todo o país.

Atualmente, os profissionais que atuam na área de engenharia civil e arquitetura passaram a se preocupar com as construções desenvolvidas em nome do progresso.

Para se integrar à natureza, muitos projetos passaram a contar com uma vertente sustentável, tanto nos materiais utilizados quanto no próprio aproveitamento de:

  • Luz natural;
  • Corrente de ar;
  • Ambientes climatizados naturalmente;
  • Água da chuva.

Os materiais recicláveis também passaram a fazer parte das obras, em pontos estratégicos e que podem ser reaproveitados depois de um tempo, talvez até mesmo para a mesma função.

Acesso a piso superior facilita manutenção

O crescimento de condomínios residências em torno dos centros urbanos é evidente na paisagem dos municípios. Eles possuem áreas que são necessárias para todos os moradores e demais usuários.

Para acessar espaços que ficam no topo dos prédios, muitos condomínios contam com a presença de uma escada em aço corten por causa de sua resistência e facilidade de instalação.

Com uma característica peculiar, que é sua cor avermelhada, é um equipamento durável que facilita a locomoção em áreas específicas.

A instalação de antenas de empresas de TV paga, por exemplo, precisa ficar disponível no ponto mais alto de uma estrutura imobiliária.

Os profissionais que fazem a instalação utilizam a escada de aço para alcançar o telhado dos prédios, para que possa ter melhor acesso aos satélites de comunicação e manutenção, quando for preciso.

Estacionamento compartilhado com cobertura geral

O metal é um elemento que está presente desde o início da construção de qualquer imóvel. Seja na sapata para sustentação de toda a estrutura, seja no acabamento final de uma escada para acesso remoto.

Muitos engenheiros e arquitetos desenvolvem uma estrutura metalica para telhado para proteger toda a cobertura, ganhando até mesmo mais um espaço para uso comum dos moradores.

Os estacionamentos também podem ser beneficiados com um ambiente totalmente protegido para os veículos, principalmente, contra a incidência solar e a água da chuva.

Até mesmo as partículas poluentes dos grandes centros urbanos e a poeira comum em qualquer lugar tem menor impacto quando a área recebe uma estrutura metálica leve por toda a extensão.

Segurança para moradores e motoristas

Quanto mais dispositivos de segurança dentro de um ambiente compartilhado, melhor para os usuários. Em um condomínio residencial, a frequência de moradores andando tranquilamente pelos passeios de uso comum é alta.

Como é um ambiente controlado, com entrada e saída permitida apenas para os moradores, a possibilidade de ocorrer um acidente é mínima, quando se trata de veículos e pedestres.

Ainda assim, é preciso empregar alguns elementos que podem reforçar o senso de proteção de todas as pessoas, tanto dos moradores quanto dos motoristas.

Os projetos condominiais que ocupam grande espaço territorial costumam disponibilizar verdadeiras “ruas” entre a entrada e a área destinada para estacionamento de veículos.

Pensando na segurança interna, as construtoras e incorporadoras têm investido em elementos sustentáveis, como a lombada de borracha reciclada e placas de sinalização com plástico reaproveitado.

Esse cuidado com o meio ambiente também está presente em outros espaços internos do condomínio, como a captação de água pluvial e armazenamento em cisternas para a lavagem de pátios e demais áreas comuns.

Voltando aos equipamentos implementados para a segurança de moradores e usuários, a circulação de veículos deve ser controlada com sinalização indicando velocidade reduzida nas áreas internas.

O emprego de lombada de borracha para condominio exige que os motoristas circulem em baixa velocidade, mesmo que esse modelo não provoque qualquer dano ao veículo, por suas características peculiares, diferentes das encontradas nas vias públicas.

A produção de equipamentos e elementos estruturais com composição reciclada demonstra respeito ao meio ambiente e diminui o impacto sobre a natureza e a diminuição de necessidade de recursos naturais.

Aliás, é importante frisar que todos os materiais apresentados possuem como característica principal a possibilidade de reciclagem.

Esses cuidados são celebrados de maneira pontual por instituições públicas e organizações não governamentais que fortalecem o discurso de que é possível desenvolver sem destruir.

Os projetos imobiliários são parte do avanço da sociedade e crescimento imensurável da ocupação do solo. Com a possibilidade de manter a preservação do meio ambiente e ainda assim, atender a demanda de moradia para a população, todos são ganhando quando essa preocupação vem à tona e é pensada de modo sustentável e coletivo.