Adaptação de veículos para área rural facilita trabalhos

O setor industrial tem se utilizado de diversos equipamentos, para a transformação de diferentes matérias primas, em produtos que são destinados para o mercado consumidor. O mesmo pode ser aplicado à indústria agrícola, que tem se beneficiado de diferentes equipamentos, quando utilizados de maneira adequada, em diferentes funções, tanto no plantio, rega, recolhimento e encaminhamento para os centros de distribuição na área rural.

Desde ferramentas cruciais, como enxadas, removedores de terra, para a criação de hortas e a construção de pomares, em terrenos férteis, até veículos de transporte, como trator e caminhões basculantes, tudo tem sido automatizado, para que possa atender, de maneira satisfatória, o crescimento de consumo, em todos os setores da economia.

Este tipo de aplicação de novas ferramentas automatizadas, não só contribuíram para a economia do mercado interno, como tem atendido, de maneira satisfatória, ao mercado externo, que tem no setor agropecuário, muitas matérias primas, atendendo diferentes setores industriais, para a fabricação de produtos de uso diário e constante, quanto para o mercado alimentício, com frutas, verduras, sementes e legumes sendo distribuídos para o mundo todo.

Até mesmo o mercado pecuário tem aplicado máquinas industriais, para a verificação de cortes de carnes, nos setores bovinos, suínos e aviários, alcançando os cinco continentes principais do mundo. Este tipo de aplicação favorece na qualidade dos produtos oferecidos, evitando desperdício e entregando, de ma

neira satisfatória, produtos de qualidade em todos os lugares onde os produtos brasileiros são comercializados.

Para atender de modo satisfatório, os veículos utilizados precisam ser eficientes, como tratores que têm uma autonomia de alcance muito grande, atendendo áreas que compreendem muitos hectares. Para o serviço não ser prejudicado, e não precisar de substituição durante os trabalhos do dia a dia, os pneus para máquinas pesadas são instalados, pois apresentam resistência para todo tipo de terreno, e ainda pode transitar mesmo em dias de chuva.

Os caminhões também são devidamente equipados, com capas que protegem os produtos, após o carregamento do mesmo, durante todo o trajeto, com o uso de caixas especiais, e o acondicionamento em frigoríficos, quando necessário, principalmente para as carnes, que seguem para diferentes destinos, e devem ser preservadas da melhor maneira possível.

Este acondicionamento deve ser eficiente, e caso fure algum pneu, ou apareça algum defeito do motor, ou uma interferência indireta nas estradas, todo o produto possa suportar as mudanças climáticas do lado externo, sem prejudicar o lado interno. Este tipo de cuidado é válido para todos os produtos que são provenientes do setor agrícola, e que são encaminhados para os mais diferentes mercados consumidores.

Até mesmo o rolamento das rodas deve ser lubrificado, conforme instruções do fabricante, para que a carga pesada não interfira no desenvolvimento dos veículos. A velocidade constante e a logística de transporte, devidamente planejada, proporciona alimentos frescos na mesa do consumidor, e nos mais diferentes comércios, como restaurantes, lanchonetes e cozinhas industriais.

Assim como os caminhões, os veículos destinados ao trabalho agrícola também devem atender de forma eficiente aos trabalhos. A substituição de peças de um trator, por exemplo, conforme é realizada a manutenção preventiva, pode depender de fornecedores de rolamentos, e com isso, o trabalho pode ser prejudicado. Apenas em uma peça como o rolamento, é preciso estar atento a alguns detalhes, como:

  • Oxidação proveniente de excesso de água;
  • Desgaste natural, conforme tempo de uso;
  • Sobrecarga provocada pelo terreno;
  • Folgas em anéis causada por superaquecimento.

A atenção a estes detalhes deve ser presente, a todo momento, em todos os equipamentos agrícolas, que funcionam ininterruptamente, em uma empresa rural.

Equipamentos fixos merecem atenção

Dentro de um sítio, ou uma fazenda, há os equipamentos que são essenciais, e que trabalham de forma fixa, como a bomba de água, para captação e rega de hortas e pomares; e máquinas que produzem energia, utilizando a corrente de rios, instalação de placas solares e até mesmo energia eólica.

Estes tipos de equipamento costumam trabalhar com um inversor de frequencia, para fornecer uma corrente elétrica contínua, para o funcionamento adequado de cada máquina abastecida por energia elétrica. Outros equipamentos utilizam a energia fornecida pelas concessionárias, que atendem de maneira satisfatória eletrodomésticos e ferramentas domésticas, como furadeiras e parafusadeiras.

Na instalação elétrica de maquinários do setor agrícola, que precisa de maior potência, é preciso ter a manutenção constante, e quando necessário, o conserto de soft starter, controlando a tensão de partida dos equipamentos elétricos, garantindo maior vida útil dos motores que utilizam este tipo de energia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *