A importância de investir em inclusão social

O Brasil tem um alto índice de pessoas portadoras de deficiências físicas e cognitivas que precisam de ajuda para realizar algumas tarefas do dia a dia.

Dessa forma, existe uma lei que foi instaurada no ano 2000 para estabelecer os parâmetros de acessibilidade, ou seja, reconhece as necessidades especiais dos deficientes em geral, então enquadram-se problemas relacionados a locomoção, audição, visão e outros.

Com isso, a lei tem como prioridade diminuir barreiras e tornar as cidades mais acessíveis, por isso as prefeituras devem cuidar das vias públicas para remover possíveis obstáculos, como lixeiras, desníveis e buracos encontrados nas calçadas, para que diminua o risco de acidentes.

Além disso, os transportes públicos precisam também conter equipamentos como uma plataforma para elevar as pessoas degraus acima. As edificações também precisam ser pensadas seguindo as normas para que todos possam frequentar os ambientes.

Nesse sentido, as construções mais antigas precisam passar por reformas já que, em sua maioria, são feitas com grandes escadas e impossibilitam que cadeirantes circulem, por exemplo.

Já as novas obras arquitetônicas devem ser projetadas já com equipamentos e medidas que tornem o ambiente acessível e nesse caso a instalação de elevadores é uma boa ideia.

Contudo, é preciso listar os grandes benefícios que esses cuidados têm nas vidas das pessoas, já que a maioria enfrenta problemas diários para se locomover com segurança e comodidade, de modo que tornar a cidade mais inclusiva é o primeiro passo para melhorar a qualidade de vida dos deficientes.

Apresentando modelos de equipamentos de locomoção

Nesse momento é preciso discorrer mais a respeito dos prédios, sejam eles públicos ou privados, onde possível encontrar degraus em todos os locais, seja em um banco, supermercado ou farmácia, o fato é que as pessoas com deficiência querem levar uma vida normal e tratar de seus assuntos como qualquer outra, então quando se deparam com dificuldades no percurso sentem verdadeira frustração.

Para modificar isso, as empresas passaram a criar rampas de acessos e instalar equipamentos que facilitem o acesso e diminuam os constrangimentos e transtornos na hora de atender os deficientes.

Sendo assim, é válido ressaltar que existe uma grande variedade de máquinas que podem ser implementadas nesses locais, a começar pelas plataformas que servem para elevar a pessoa a certos níveis, então pode ser instalada junto a escadas.

Esse aparelho é ideal para os locais onde não se tem espaço para instalar um elevador, ou, até mesmo, em construções mais antigas em que não se pode mexer na planta original.

Então, uma plataforma de elevação de portadores de deficiência é um ótimo investimento, não só porque mantém a empresa dentro dos parâmetros legais, mas também porque promove a inclusão social.

No mais, em ambientes mais espaçosos e onde se há recurso para um investimento ainda mais completo, é possível optar pelo elevador pne, encontrado principalmente em grandes edificações onde é impossível para os deficientes chegarem aos locais mais altos com o uso das escadas.

Dessa forma, o elevador pode ser comprado em empresas de grande renome que trabalham há vários anos nesse ramo e por isso sabem criar soluções inovadoras para cada situação.

Além disso, nesses locais é possível encontrar equipamentos para muitos ambientes, como o elevador de maca para hospitais que tem tamanho maior que os elevadores comuns, há também outros locais que usam elevadores e plataformas de elevação, por exemplo:

  • Shoppings;
  • Restaurantes;
  • Corporações;
  • Indústrias.

A manutenção dos equipamentos não pode ser deixada de lado

Para garantir um bom funcionamento e grande durabilidade é preciso recorrer a algumas medidas de proteção, como é o caso da manutenção preventiva que vai avaliar cada um dos componentes dos elevadores e plataformas em um período determinado de tempo para que caso alguma peça se mostre com problemas para funcionar ou seja detectada alguma falha, os profissionais responsáveis possam realizar o reparo no tempo certo.

Isso significa que não é ideal esperar o equipamento quebrar, pois pode prejudicar a empresa e os usuários, já que o conserto vai ser feito às pressas e o funcionamento pode ser interrompido por um longo período.

O mais indicado é prestar atenção e prevenir os problemas para que um cronograma possa ser montado e o trabalho dos técnicos venha a ser feito na data mais propícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *